Segunda, 24 de Janeiro de 2022
31°

Poucas nuvens

Teresina - PI

Educação Fiscalização

IMEPI inicia fiscalização de material escolar vendido no Piauí

Operação “De volta às aulas busca manter o equilíbrio comercial e proteger a relação de consumo

13/01/2022 às 10h00 Atualizada em 13/01/2022 às 10h03
Por: Kassio Cavalcante
Compartilhe:
Foto: Kassio Cavalcante
Foto: Kassio Cavalcante

O Instituto de Metrologia do Piauí (IMEPI) iniciou na manhã de quarta-feira (12), a operação “Volta às aulas” no comércio de produtos escolares. A operação tem como objetivo fazer a fiscalização e manter o equilíbrio comercial e proteger a relação de consumo.

De acordo com o diretor geral do IMEPI, Maycon Monteiro, o instituto mantém constantemente fiscalizações, mas no período de volta às aulas a operação tem como intuito o controle. Ele explica que as fiscalizações são feitas com dois setores com operações distintas. “O setor de pré-medidos (aqueles produtos que é medido na ausência do consumidor) faz a coleta de caixas de borrachas, resmas de papel, cadernos, caixas de canetas para saber se o que está exposto é, de fato, o que se tem de conteúdo”, explica.

No outro momento, a equipe da qualidade faz a fiscalização da qualidade dos demais materiais. “Na área da qualidade, vamos fiscalizar colas coloridas, tinta guache, massa de modelar, onde nós vamos nos atentar se estes produtos têm em suas embalagens se é tóxico ou não, se tem a faixa etária na embalagem”, esclarece.

De acordo com o instituto, os produtos são avaliados na presença de representante dos fabricantes, onde caso detectado irregularidades, podem sofrer multas que variam de R$ 100 à R$ 1,5 milhões.

Maycon Monteiro acrescenta que o consumidor deve sempre observar o que está exposto nas embalagens. “A orientação que damos para a população é sempre observar o que está exposto na embalagem, confrontar que é o que tem de produto, e havendo alguma dúvida, pode entrar em contato conosco através das nossas redes sociais, de forma presencial ou através da nossa ouvidoria no 0800 281 1411”, orienta.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias